Um tutorial imperdível para quem quer criar posts em 3D no Facebook

oculus

O Facebook lançou uma nova integração com postagens 3D que permite que as pessoas vejam e interajam com diferentes objetos, numa perspectiva de 360º no News Feed. As imagens 3D são instantaneamente responsivas ao toque, fazendo o conteúdo “sair da tela” e permitindo que os objetos sejam vistos de diferentes ângulos. A funcionalidade, além de divertir e impressionar, é uma boa opção para mostrar várias perspectivas de ambientes e produtos, em uma só imagem.

Pensando em ajudar quem quer criar imagens interativas para a sua audiência, a plataforma de monitoramento, análise de dados e gestão de mídias sociais Opsocial criou o tutorial abaixo. Confira:

Passo 1

Você precisa ter algum software de modelagem 3D no seu desktop, como Cinema 4D ou Maya, mas também é possível usar o Paint 3D do Windows 10, que é muito mais intuitivo e simples para usuários que não tem experiência com modelagem 3D. Caso você não tenha o Paint 3D no seu computador, você pode baixar aqui.

Passo 2

Crie o seu post em 3D no software de modelagem, lembrando que seu arquivo ao final do processo (Passo 5) não pode ter mais que 3mb. Vá até as opções de exportação no seu software 3D e exporte o arquivo com a extensão .FBX

Passo 3

Você vai precisar fazer o download de uma das ferramentas liberadas pelo próprio Facebook para converter este arquivo .FBX para o formato glTF. Baixe a ferramenta correspondente ao seu sistema operacional aqui. Coloque a ferramenta em uma pasta juntamente com o arquivo .FBX que você salvou do seu software de modelagem 3D.

Passo 4

Simplesmente arraste o arquivo .FBX para cima do arquivo “FBX2glTF-windows-x64.exe”, e ele converterá o seu arquivo para o padrão glTF. A ferramenta irá criar uma pasta chamada “nomedoseuarquivo_out” com 2 arquivos, um buffer.bin e outro arquivo com a extensão .gltf.

Passo 5

Arraste esses dois arquivos criados para o site GLB Packer, que também foi indicado pelo Facebook, e ele irá baixar um arquivo chamado out.glb.

Passo 6

Agora, só é preciso subir o arquivo .glb no Facebook como um post normal e escolher um background para o seu modelo 3D.

DICA: Se algo der errado, tente o processo com um modelo simples, como um cubo ou uma pirâmide sem texturas para fazer um teste. Como o novo formato foi implementado recentemente, ainda existem muitas limitações quanto as propriedades dos modelos 3D aceitos pelo Facebook.

Deixe seu comentário: