Será verdade? Vero quer desbancar o Facebook

asdA

Se houvesse uma lista das personalidades mais queridas certamente Mark Zuckerberg não estaria nela. Controverso, o CEO do Facebook coleciona desafetos e reações desfavoráveis a cada nova atitude.

Diante de uma política cada vez mais perceptível em mudar os algoritmos para determinar o que o usuário vê e incentivar as campanhas patrocinadas em seu ambiente nada favorável a endereços externos, a rede social perde usuários a diariamente e sofre queda em suas bilionárias ações.

Atento a essa fragilidade, o milionário Ayman Hariri, filho do antigo Primeiro-Ministro libanês, resolveu lançar sua própria rede disposta a não se tornar mais uma bolha na internet. Com o diferencial de não ser tão invasiva com as questões de privacidade e não ter a publicidade como único norte em seu modelo de negócios, o lançamento ganha atenções na web.

Batizada de Vero, a novidade se popularizou de maneira rápida com a promessa dos primeiros a se inscreverem nela não serem obrigados a pagar a futura taxa anual que será cobrada de todas as pessoas cadastradas. Com estrondoso sucesso, o aplicativo que assegurava gratuidade ao primeiro milhão de inscritos notificou hoje que expandirá o benefício por prazo indeterminado.

Experimentado até o momento majoritariamente por heavy users de mídias sociais, artistas em geral e pessoas ligadas em tecnologia, o app é uma mistura de Instagram com Facebook. Por meio de uma timeline dinâmica, a comunidade compartilha conteúdos diversos como textos, imagens, vídeos, avaliações e links. Confira abaixo um vídeo de apresentação que explica como ele funciona:

Com poucas diferenças das outras plataformas, o rápido sucesso além de surpreender seu criador e os provedores do serviço expõe que a recente fraqueza na criação de Mark dá espaço para que novos adversários como Hariri surjam. Porém, se o Vero deixará de ser uma promessa para se tornar verdade só o tempo e as próximas reações irão dizer.

Se ficou curioso para baixar o app, ele já está disponível para iOS e Android.

Deixe seu comentário: